05/06/2024 às 19h54min - Atualizada em 12/06/2024 às 19h54min

No ar em “Família é Tudo”, Daphne Bozaski revive memória noveleira na pele da romântica Lupita

Alma latina

Daphne Bozaski estabeleceu rapidamente uma conexão bastante pessoal com a sonhadora Lupita, de “Família é Tudo”. A atriz de 31 anos diz que tem uma relação especial com as telenovelas. Na trama de Daniel Ortiz, Lupita é uma guatemalteca apaixonada pelos folhetins brasileiros. “Eu sou da geração que só assistia aos programas na tevê aberta. Então, desde pequena, acompanhava as novelas. Quando cresci, uma novela que me marcou muito foi ‘Avenida Brasil’. Eu já morava em São Paulo, fazia teatro e lembro que na semana final da novela a cidade estava vazia, parada para ver os últimos capítulos. E quase ninguém foi nos assistir no teatro naquele final de semana. Foi algo que me marcou muito”, relembra.
A doce e sonhadora guatemalteca muda-se para o Brasil na esperança de uma vida melhor e consegue emprego na Mancini Music como secretária de Júpiter, papel de Thiago Martins. Com um visual para lá de extravagante, ela sonha um dia ser cantora e acredita que trabalhar na gravadora pode ser o trampolim de que precisava. Louca para encontrar seu príncipe de telenovela latina, se apaixona pelo chefe. “Lupita é uma pessoa cheia de esperança e com certeza está vivendo o melhor momento da sua vida. Adora customizar suas roupas e em seu estilo traz inspirações da cultura guatemalteca. Ela não sai de casa sem o seu batom com cores vivas. É superfã da Thalía Ariadne e adora cantar suas músicas”, explica.
Dando vida a uma personagem natural da Guatemala, Daphne buscou aulas de espanhol assim que recebeu o convite para interpretar a jovem secretária. No enredo, Lupita apresenta um portunhol carregado ao longo de suas sequências. “Minha professora é maravilhosa. Ela é uruguaia, mas mora no Brasil há anos. Quando iniciou a preparação da novela fui entendendo como trazer o portunhol dentro dessa personagem, que é tão passional, sem perder a verdade dela”, ressalta.
Daphne iniciou sua trajetória no audiovisual ao protagonizar a série “Que Monstro te Mordeu?”, da TV Cultura. Ela, porém, ganhou projeção nacional ao integrar o elenco de “Malhação: Viva a Diferença”, que foi ao ar 2017. A novela infantojuvenil ainda rendeu três temporadas do spin-off “As Five”, disponível no Globoplay. “Esse projeto é muito especial. Tenho o maior orgulho de fazer parte deste time. ‘As Fives’, enquanto série, conseguiu cativar um público que a abraçou com as melhores expectativas para descobrir o que aconteceu no destino daquelas cinco amigas”, valoriza.

“Família é Tudo” – de segunda a sábado, às 19h30, na Globo.

Fim de um ciclo
Enquanto descobre os caminhos da romântica Lupita, Daphne Bozaski se despediu da sensível Benê, que surgiu em “Malhação: Viva a Diferença”. Recentemente, a atriz viveu a personagem pela última vez na terceira e última temporada de “As Five”, disponível no Globoplay. Na nova leva de episódios, Benê busca reaver seu piano de cauda e precisa lidar com um elemento novo em seu metódico planejamento: a entrada no mercado de trabalho publicitário. “A Benê, nessa temporada, se depara com o trabalho de publicitária, acho interessante o percurso dela nesse universo. Ela é uma pianista clássica e entrar no ambiente da produção da publicidade é um grande desafio descobrir como ela vai se encaixar ou não nesse novo momento com seu talento. Como artista, eu me vejo em meio a esses conflitos muitas vezes”, defende.
Tanto na trama de “As Five” como em “Família é Tudo”, Daphne conta com a parceria de Ana Hikari, que interpreta a vilã Mila na atual novela das sete e fez a moderna Tina na série original Globoplay. “É gostoso encontrar alguém com quem eu já tenha afinidade em cena e, no caso da Ana, na vida também, em uma nova personagem e em novos desafios”, ressalta.

Instantâneas 
# Daphne possui ascendência polonesa.
# Casada com o chef de cozinha Gustavo Araújo, a atriz é mãe do pequeno Caetano, de 5 anos.
# A atriz é natural de São Paulo.
# Daphne começou sua formação no ballet clássico, para logo continuar com a dança contemporânea na Universidade Federal do Paraná.

DAPHNE BOZASKI, a Lupita de “Família é Tudo”, da Globo | Caroline Borges | TV Press

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp