22/11/2023 às 18h56min - Atualizada em 23/11/2023 às 00h05min

Praticar esportes melhora comportamento de 76% das crianças dentro de casa, diz pesquisa realizada pelo banco BV

Levantamento foi realizado com 1.821 pais e responsáveis de crianças que participam dos institutos apoiados pelo BV e marca a comemoração dos cinco anos da Plataforma de Esportes do banco BV

Banco BV
Divulgação

A prática esportiva impactou positivamente o comportamento de 76% de crianças e adolescentes assistidos pelos institutos patrocinados pelo banco BV. O dado faz parte de uma pesquisa realizada com 1.821 pais e responsáveis, que relataram ter sentido uma melhora significativa no comportamento dos filhos quanto aos aspectos de respeito, disciplina e comprometimento com afazeres domésticos. Ainda de acordo com os familiares, 81% das crianças também demonstraram ter mais autoestima e 71% ter mais felicidade após começarem as atividades nos institutos. 

O levantamento, realizado entre o banco BV e as instituições apoiadas pelo banco, celebra os cinco anos da Plataforma de Esportes, uma iniciativa que favorece a inclusão social através do esporte por meio de instituições de oito atletas olímpicos: Ádria Santos​, Diego Hypólito​, Etiene Medeiros​, Flávio Canto, Ítalo Ferreira, Mauro Menezes, Marcelinho Machado, e Serginho.

“Ao completar cinco anos de atuação no esporte, o BV reafirma seu compromisso com a transformação social e se destaca não apenas como apoiador, mas como um parceiro totalmente envolvido na causa” afirma Tiago Soares, gerente executivo de Marketing Institucional e ESG no banco BV

O investimento na Plataforma de Esportes ao longo desse período já impactou mais de 12 mil pessoas, e beneficiou em parceria com oito atletas mais de 3.000 alunos das cidades de Guarulhos, Pirituba e São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Recife (PE), Joinville (SC), Cuiabá (MT) e Baía Formosa (RN). Visando contribuir para o desenvolvimento pessoal e a promoção da igualdade, são realizados diferentes tipos de atividades esportivas, tais como ginástica artística, atletismo, natação, judô, surfe, tênis, basquete e vôlei.

As atividades acontecem no contraturno e contemplam crianças e adolescentes dos 4 aos 18 anos, dependendo da instituição. Com exceção do Instituto Ádria Santos, que promove o esporte educativo e inclusivo com jovens com e sem deficiência nas escolhas públicas de Joinville, e do Instituto M4 nas Escolas que também atua em escolas públicas no Rio de Janeiro, as demais têm sedes e incentivam, além da prática de esporte, outras atividades para transformar a vida das famílias atendidas. 


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp