11/05/2012 às 00h15min - Atualizada em 11/05/2012 às 00h15min

Agência Cidadã chega ao mercado para atender exigência pela cidadania

Agência de João Faria aposta no mercado publicitário mais cidadão

Portal Imprensa

Os consumidores exigem que as marcas tenham um posicionamento claro com relação à cidadania. Para atender a essa demanda, chega ao mercado a Agência Cidadã, que atuará em áreas como educação, saúde, cultura, lazer, sustentabilidade, entre outras.

O objetivo da empresa é oferecer estratégias de comunicação para tirar importantes setores da sociedade do ostracismo publicitário, sugerindo conceitos de cidadania para os anunciantes que já investem na indústria de comunicação.

“Associações, Confederações, Institutos, Câmaras de Comércio, toda e qualquer organização deve levar informação e construir sua imagem através da propaganda. Hoje isso não é feito porque não gera elevadas receitas para as grandes agências”, disse o sócio-diretor da Agência Cidadã João Faria.
 
Faria exemplifica o interesse de empresas por essa plataforma com a marca do segmento de moda Binne Comfort. A rede de lojas já possui uma campanha criada pela agência. “Fizemos a campanha de Dia das Mães da Binne Comfort reforçando conceitos importantes da marca como: saúde, conforto e bem-estar. Queremos vender calçados, esvaziar o estoque, mas nosso diferencial está em reforçar aspectos que vão além do produto em si. Acho, francamente, que o consumidor está insatisfeito com boa parte da publicidade que se oferece hoje”, afirmou.
 
A Agência Cidadã também criou peças para a Abrata (Associação Brasileira dos Portadores de Transtornos Afetivos) e para a Afrobras - Sociedade Afrobrasileira de Desenvolvimento Sócio Cultural, por ocasião do Troféu Raça Negra. 
 
A agência também foca suas atividades nas empresas que nunca investiram em publicidade. “Temos toda paciência para mostrar como as coisas funcionam. Nossa primeira pergunta não é: Qual a sua verba?", disse João Faria.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »