27/09/2023 às 16h39min - Atualizada em 28/09/2023 às 00h02min

Residencial de Brasília vence prêmio internacional de arquitetura e design

Edifício “Alma”, no Noroeste, foi o único da capital federal a receber o LOOP Design Awards 2023. Projeto vencedor resgata o estilo arquitetônico que fez de Brasília referência mundial em arquitetura

Qu4tro Comunicação e Assessoria Estratégica
Divulgação

Um prédio residencial no Noroeste, em Brasília, venceu um prêmio internacional de arquitetura e design, o LOOP Design Awards 2023. O edifício “Alma” está localizado na SQNW 106, Bloco F.

A premiação reconhece projetos excepcionais que mostram diversidade em arquitetura e design ao redor do mundo. Foram 690 inscrições de projetos de mais de 50 países.

Quatro edifícios brasileiros venceram o prêmio em diferentes categorias, sendo três de São Paulo e apenas um de Brasília. O residencial no Noroeste levou o primeiro lugar na categoria “Arquitetura / Habitação de múltiplas unidades”.

Projeto vencedor

O LOOP Design Awards destacou no Alma a fachada com concreto aparente e elementos retangulares verticais. O projeto é composto por 24 apartamentos e resgata o estilo que fez de Brasília referência mundial em arquitetura.

O prédio também possui brises móveis, proporcionando proteção solar e um contraste marcante com o concreto. As varandas dos apartamentos contam com jardineiras, e o projeto de paisagismo, assinado por Ana Paula Roseo, incluiu vegetação nativa do Cerrado.

A premiação enfatizou ainda que a “combinação de concreto, madeira e vegetação cria uma composição harmoniosa, combinando perfeitamente com o ambiente natural”.

O projeto da construtora e incorporadora Lotus foi desenvolvido pelos renomados escritórios de arquitetura Valeria Gontijo + Arquitetos, Estrela Arquitetura e Ana Paula Roseo Paisagismo.

“É uma honra receber esse prêmio, que reconhece o que há de melhor em arquitetura, design e paisagismo em projetos de todo o mundo. E poder representar Brasília nos dá ainda mais alegria”, diz Luiz Felipe Hernandez, um dos CEOs da Lotus.

“Trabalhamos com uma equipe que busca referências no mundo todo para criar empreendimentos modernos, mas que resgatam a arquitetura de Brasília, como é o caso do Alma. Receber esse reconhecimento reforça o valor do nosso trabalho em equipe”, completa Ruy Hernandez, também CEO da construtora.

História da Lotus

A Lotus nasceu em 2018 e, em pouco tempo, conquistou seu espaço, gerando tendências e se estabelecendo no mercado. Em 2021, a empresa concluiu a operação de venda do empreendimento Lotus Corporate ao Banco Mundial. Um prédio comercial com mais de 9.805 m² de área construída que foi totalmente personalizado de acordo com as necessidades de layout e segurança da instituição.

No final daquele ano, os sócios Luiz Felipe Hernandez e Ruy Hernandez entraram para a prestigiada lista Under 30 da Forbes Brasil – a principal revista financeira do mundo. Eles se destacaram entre os jovens brasileiros de até 30 anos que alcançaram resultados extraordinários no segmento de indústria e empreendedorismo.


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp