26/07/2023 às 11h21min - Atualizada em 27/07/2023 às 20h46min

Oficinas gratuitas de fotografia instruem alunos de escolas públicas em Vinhedo (SP)

Projeto “Foto Studio - Panorama Brasil” apresenta aulas práticas e teóricas e uma exposição aberta ao público como trabalho final

Da redação
Divulgação

O projeto de oficinas de fotografia “Foto Studio - Panorama Brasil” segue em andamento em Vinhedo (SP). Com 30 alunos participantes em cada turma, as aulas tiveram início em 02 de maio nas escolas municipais “Dra. Nilza Maria Carbonari Ferragut” e CIC “Eduardo Von Zuben” e serão realizadas até o dia 11 de outubro. As oficinas terão uma pausa durante o recesso escolar, com retorno em agosto.

 

As oficinas do “Foto Studio – Panorama Brasil” têm como objetivo a difusão do mundo das artes visuais, da cultura e da fotografia. Durante a primeira etapa das aulas, os alunos aprenderam sobre a História da Fotografia, Fotografia Analógica, Fotografia Pinhole, e puderam adquirir conhecimentos sobre Luzes, Flash e Fotômetro, Objetivas e Lentes, Iso, abertura, obturador, passando ainda por Direção de Arte e Fotografia Digital.

 

Após a conclusão das oficinas, os trabalhos realizados pelos participantes serão expostos em uma mostra fotográfica, aberta ao público durante dois dias. Além disso, serão confeccionados e distribuídos 300 calendários com as fotografias produzidas pelos alunos.

 

Além de registrar momentos e oferecer lazer e descontração, a prática da fotografia estimula a criatividade, desenvolve a capacidade de observação e pode abrir oportunidades para a vida profissional.

Lei de Incentivo à Cultura, o projeto “Foto Studio - Panorama Brasil” tem a produção da Sancell e apoio da Incentivar, com patrocínio da Avery Dennison e realizado pelo Ministério da Cultura, Governo Federal Reconstrução e União.

 

Sobre A AVERY DENNISON: Avery Dennison (NYSE: AVY) é uma empresa global de ciência dos materiais especializada no design e fabricação de uma ampla variedade de materiais funcionais e de etiquetagem. Os produtos da empresa, usados em quase todos os principais setores, incluem materiais sensíveis à pressão para etiquetas e aplicações gráficas; fitas e outras soluções de colagem para aplicações industriais, médicas e de varejo; rótulos, etiquetas e enfeites para vestuário; além de soluções de identificação por radiofrequência (RFID) que atendem aos mercados varejistas de vestuário e outros. A empresa emprega mais de 35.000 funcionários em mais de 50 países. As vendas registradas em 2021 chegaram a US$ 8.4 bilhões.

 

Sobre o Ministério: A principal ferramenta de fomento à Cultura do Brasil, a Lei de Incentivo à Cultura contribui para que milhares de projetos culturais aconteçam, todos os anos, em todas as regiões do país. Por meio dela, empresas e pessoas físicas podem patrocinar espetáculos – exposições, shows, livros, museus, galerias e várias outras formas de expressão cultural – e abater o valor total ou parcial do apoio do Imposto de Renda. A Lei também contribui para ampliar o acesso dos cidadãos à Cultura, já que os projetos patrocinados são obrigados a oferecer uma contrapartida social, ou seja, eles têm que distribuir parte dos ingressos gratuitamente e promover ações de formação e capacitação junto às comunidades. Criado em 1991 pela Lei 8.313, o mecanismo do incentivo à cultura é um dos pilares do Programa Nacional de Apoio à Cultura (Pronac), que também conta com o Fundo Nacional de Cultura (FNC) e os Fundos de Investimento Cultural e Artístico (Ficarts). Essas ações são patrocinadas pela Avery Dennison. Lei de Incentivo à Cultura, Ministério da Cultura.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp