27/07/2023 às 17h50min - Atualizada em 27/07/2023 às 20h44min

O presente mais valioso para o Dia dos Pais

Ajudar na prevenção de doenças como o câncer de próstata

AGEIMAGEM COMUNICAÇÃO
www.ageimagem.com.br
Pixabay

O Dia dos Pais está se aproximando e começa a corrida dos filhos atrás dos presentes para seus pais. Mas já pensou que a melhor forma de demonstrar amor e cuidado pelo pai é ajudá-lo a prevenir doenças e garantir sua saúde a longo prazo? 

Esse pode ser o presente mais valioso que um filho pode oferecer ao seu pai. 

 

Experimente incentivar e apoiar seu pai na realização de exames preventivos, se for preciso vá com ele ao médico, esteja ao lado dele. Presença e carinho podem representar para ele muito mais que algo material, não é mesmo? 

 

E há doenças que o diagnóstico precoce, pode fazer toda a diferença, em especial no câncer de próstata. 

O câncer de próstata, além de ser muito frequente, é uma das principais causas de morte entre os homens, mas quando detectado em estágios iniciais, as chances de cura são significativamente maiores. Por isso, é fundamental conscientizar os pais sobre a importância de fazer exames regulares e de buscar acompanhamento médico para a prevenção dessa doença. 

 

Dois dos principais métodos utilizados para a detecção precoce do câncer de próstata são o exame de toque retal e o exame de sangue para avaliação do Antígeno Prostático Específico (PSA). Embora possam causar certo desconforto ou constrangimento, esses exames são fundamentais para identificar possíveis alterações na próstata e indicar a necessidade de investigação mais aprofundada. 

 

"É compreensível que o exame de toque retal possa gerar algum desconforto, mas é importante lembrar que a detecção precoce do câncer de próstata, feita com o exame físico e com o PSA, pode ajudar a salvar a vida do seu pai", destaca o Dr. Carlo Passerotti, um dos maiores especialistas no tratamento do câncer de próstata no país. “Ao incentivar e apoiar seu pai a realizar esses exames, você está demonstrando amor, cuidado e preocupação genuína pela saúde dele”, ressalta Passerotti. 

 

Além dos exames preventivos, é essencial que os homens adotem um estilo de vida saudável, com alimentação equilibrada, prática regular de exercícios físicos e evitando hábitos prejudiciais, como o tabagismo e o consumo excessivo de álcool. Essas medidas podem contribuir significativamente na redução do risco de desenvolvimento de diversas doenças, incluindo o câncer de próstata. 

 

Neste Dia dos Pais, lembre-se de que ter seu pai ao seu lado é o maior dos presentes. Ajudá-lo a cuidar da saúde e prevenir doenças, especialmente o câncer de próstata, é uma maneira concreta de demonstrar amor e gratidão. Converse com seu pai, incentive-o a fazer os exames necessários e acompanhe-o em todo o processo. Juntos, vocês podem garantir que ele desfrute de muitos anos de vida saudável e momentos felizes ao seu lado. 

 

Como tratar o câncer de próstata 

O câncer de próstata é uma doença que afeta a próstata, uma glândula do sistema reprodutor masculino. O tratamento para o câncer de próstata depende do estágio da doença, da idade e da saúde geral do paciente, bem como de outros fatores. 

As opções de tratamento para o câncer de próstata incluem cirurgia, radioterapia, terapia hormonal, quimioterapia e vigilância ativa. A cirurgia envolve a remoção da próstata e é frequentemente recomendada para pacientes com tumores localizados ou localmente avançados. 

 

A radioterapia usa radiação para destruir as células cancerosas e é frequentemente usada, em casos específicos, combinadamente com a terapia hormonal. A terapia hormonal envolve o uso de medicamentos para bloquear a produção de testosterona, que alimenta o crescimento do câncer de próstata. A quimioterapia é geralmente reservada para pacientes com tumores metastáticos que não respondem à terapia hormonal. A vigilância ativa envolve monitorar cuidadosamente o câncer de próstata, em pacientes com tumores de baixo risco. 

 

“As chances de cura para o câncer de próstata dependem do estágio da doença nomomento do diagnóstico e da eficácia do tratamento. Quando diagnosticado em estágio inicial, as chances de cura são geralmente ótimas e a chance de preservar a continência e a potência, também aumentam”, afirma o Dr. Carlo Passerotti. 

 

Segundo o Instituto Nacional do Câncer, a taxa de sobrevivência em cinco anos para o câncer de próstata localizado pode atingir 90-95%. No entanto, se o câncer se espalhou para outras partes do corpo, as chances de cura são reduzidas. 

 

Sobre do Dr. Carlo Passerotti 

Estudou Medicina, e também, mestrado e Doutorado, na Universidade Federal de São Paulo (EPM). Pós-doutorado em cirurgia robótica na Harvard Medical School, Boston, onde foi o primeiro brasileiro a ser certificado e treinado em cirurgia robótica. Atualmente é Professor Livre-docente pela Faculdade de Medicina da USP, orientador na pós-graduação da Universidade de São Paulo, e coordenador do serviço de Urologia e Cirurgia Robótica do Hospital Alemão Oswaldo Cruz. 

Redes sociais: 

Instagram: www.instagram.com/carlo.passerotti 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp