21/07/2023 às 10h43min - Atualizada em 21/07/2023 às 20h18min

Agenda: Fed, Bce e balanços das big techs e de Vale

Suzana Leticia Inhesta Gomes
br.investing.com
Divulgação
São Paulo, 21 de julho de 2023 - A próxima semana está lotada de eventos corporativos e econômicos que impactam o humor dos mercados. Haverá a intensificação da divulgação de balanços do 2° trimestre de grandes empresas dos EUA e decisões de taxas de juros do Federal Reserve e do Banco Central Europeu.

No Brasil, está prevista a divulgação de balanços de empresas relevantes ao Ibovespa e de indicadores, como inflação, contas do governo, mercado de trabalho e setor externo.
Confira abaixo as datas e horários dos principais balanços da semana e dos indicadores econômicos da semana que vem. O calendário de balanços e o calendário econômico completos estão disponíveis em Investing.com
  • Destaques de Balanços
O enfoque dos investidores deve ser se as Big Techs, grandes petrolíferas, montadoras, empresas de cartão de crédito e de consumo americanos continuem superando as estimativas de lucro por ação (LPA) e de receitas do mercado, conforme apresentado na última semana pelos resultados da maioria dos grandes bancos, da Tesla e da Netflix. Embora as orientações de resultados nos próximos trimestres estejam decepcionando os investidores.

No Brasil, a expectativa fica por conta da Vale, cujas ações apresentam queda acumulada de mais 24% em 2023 e após divulgar na última terça-feira (18) aumento de produção de minério de ferro e de pelotas entre abril e junho deste ano.

“Big Techs”
O setor de tecnologia dos EUA, mesmo em evidência há um bom tempo, tem atraído holofotes diante de avanços recentes em tecnologias como Inteligência Artificial (IA), IoT, fintechs e blockchain.

Destaques de eventos EconômicosAs decisões da taxa de juros nos EUA e na zona do euro são os destaques em uma semana em que números importantes como o PIB do 2° trimestre e o índice de preços PCE, indicador de inflação favorito do Fed, também serão conhecidos.

Com números da inflação ao consumidor arrefecendo e números de atividades econômicas vindo abaixo do esperado, os investidores projetam que a reunião de 26 de julho seja a última com elevação da taxa de juros, do intervalo de 5% a 5,25% para 5,25% e 5,5%, de acordo com o Monitor da Taxa de Juros do Fed do br.investing.com. 98% do mercado veem uma alta de 0,25 ponto percentual na taxa de juros, enquanto 2% apostam na manutenção.

Para a reunião seguinte, em 20 de setembro, o consenso majoritário estima manutenção da taxa de juros pelo Fed, com 84,5% dos investidores, enquanto 13,7% projetam mais uma alta de 25 pontos-base e 1,8% em uma taxa a 5-5,25%.

Dessa forma, o mercado começa a discutir quando se inicia o novo ciclo de baixa de juros nos EUA. De acordo com o Monitor do br.investing.com, a possibilidade de início de corte de juros é na reunião de 20 de março do ano que vem, quando ao menos 60,5% do mercado projetam a taxa de juros em, ao menos, no intervalo entre 5% e 5,25%.

No Brasil, os investidores ficarão atentos aos números do IPCA-15, prévia da inflação de julho e que pode confirmar o corte da taxa Selic na reunião do Copom de 2 de agosto. Também serão conhecidos os dados de dívida pública, IGP-M e do setor externo.

Sobre o Investing.com
O Investing.com é uma plataforma de mercados financeiros disponível em 44 idiomas que oferece dados em tempo real, cotações, gráficos, ferramentas financeiras, notas e análises cobrindo 250 bolsas mundiais. Com mais de 21 milhões de usuários mensais e mais de 180 milhões de sessões, o site Investing.com é um dos três maiores sites financeiros mundiais, de acordo com o SimilarWeb e a Alexa.

Com mais de 300.000 instrumentos financeiros, o site Investing.com oferece acesso ilimitado a ferramentas de mercado financeiro avançadas, como cotações e alertas em tempo real, carteiras personalizadas, alertas pessoais, calendários, calculadoras e informações financeiras — totalmente grátis.

Além das bolsas de valores mundiais, o site Investing.com também abrange commodities, criptomoedas, índices mundiais, moedas globais, títulos, fundos e taxas de juros, futuros de ETF e opções.

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp