19/07/2023 às 02h37min - Atualizada em 19/07/2023 às 02h37min

Hospital da zona Leste realiza primeiro implante de "ouvido biônico"

O Hospital e Maternidade São Luiz Anália Franco, da Rede D’Or, realizou pela primeira vez na unidade, uma cirurgia de implante coclear, conhecido como "ouvido biônico".
O procedimento, realizado pelos cirurgiões Sandro Sérgio Muniz da Silva e Edson Mitre, em uma estudante de 26 anos, durou seis horas e foi bem sucedido.
Dois pequenos aparelhos foram implantados (um de cada lado da cabeça da paciente) e, daqui a quatro semanas, serão ativados com a colocação do processador de som externo. “É neste momento em que a pessoa ouvirá o mundo”, explica Muniz.
Esse tipo de dispositivo é indicado para casos mais graves, quando há uma percepção insuficiente dos sons, mesmo quando eles já são amplificados por meio de um aparelho auditivo comum.
"Isso pode acontecer, por exemplo, pelo uso indiscriminado de antibióticos, infecções, doenças genéticas e outros problemas de saúde”, destaca o médico do São Luiz Anália Franco.
Inaugurado em 2008, com uma arquitetura diferenciada e infraestrutura de ponta, o hospital levou para a zona Leste da capital paulista a qualidade de serviços e expertise na área de saúde que vem desde 1938, uma tradição da marca São Luiz.

Como funciona?
Dados do Ministério da Saúde apontam que aproximadamente 5% da população tem alguma deficiência auditiva, o equivalente a cerca de 10 milhões de brasileiros. Destes, 2,7 milhões possuem surdez profunda.
Em um sistema auditivo funcional, a cóclea — um pequeno osso em forma de concha de caracol — tem a função de transformar a vibração dos outros pequenos ossos do ouvido em sinais elétricos, destinados ao cérebro. 
Ao contrário dos aparelhos auditivos, que simplesmente amplificam o som, os implantes cocleares substituem a parte danificada do ouvido interno e enviam os sinais elétricos diretamente ao nervo auditivo. 
Como os implantes cocleares estimulam diretamente o nervo auditivo, o som pode ser ouvido mais claro em relação aos aparelhos auditivos experimentados por algumas pessoas. 
“Assim, o resultado alcançado com os implantes cocleares pode, em algumas situações, ser mais benéfico do que os aparelhos auditivos. Pessoas que implantaram esses dispositivos, adultos e crianças, são capazes de ouvir os sons que vêm do ambiente”, ressalta o especialista.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp