16/02/2016 às 11h55min - Atualizada em 16/02/2016 às 11h55min

Wipro alcança U$ 1, 9 bilhão em receita bruta no último trimestre

Com clientes cada vez mais focados no Digital e a aquisição de duas grandes empresas – Viteos Group e Cellent AG – a Wipro fechou o penúltimo trimestre do seu ano fiscal com crescimento de 7% em receita bruta.

Sthephanie Thomazini

A Wipro Limited (NYSE: WIT, BSE: 507685, NSE: WIPRO), empresa global líder em Tecnologia da Informação, Consultoria e Serviços de Processos de Negócios, anunciou os resultados financeiros do terceiro semestre do seu ano fiscal, concluído em 31 de dezembro de 2015. A companhia obteve receita bruta de U$1,9 bilhão, o que representa 7% de crescimento se comparado ao mesmo período do quarter passado. 

 

Os destaques para o trimestre ficam a cargo da aquisição da Viteos Group, uma prestadora de serviços de processamento de valores mobiliários e administração de fundos; da Cellent AG, empresa europeia de consultoria de TI e serviços de software; e da importante atuação da Wipro na área de Serviços de Infraestrutura Global, o que garantiu 9% de elevação na receita de serviços segmentados de TI, mais de U$ 1,8 milhão. Para o próximo trimestre, e fechamento do ano fiscal, a empresa espera alcançar mais de U$ 1,9 milhão em receita de serviços de TI. 

 

Para o mais novo CEO e membro do Conselho de Administração da Wipro, TK Kurien, “Atingimos uma receita alinhada à nossa estratégia. Obtivemos também o fechamento de grandes contratos do setor de Serviços de Infraestrutura Global. Está cada vez mais claro o fato de que os clientes querem simplificar suas operações e otimizar os gastos com TI, enquanto investem no Digital para realmente transformar os negócios. E a Wipro está bem posicionada para aproveitar essa tendência”. 

 

Jatin Dalai, CFO da Wipro, ainda afirmou, “Durante o trimestre, conseguimos construir o diferencial competitivo através da aquisição de duas empresas de alto potencial - Cellent e Viteos.” 

 

Já Abidali Z. Neemuchwala, CEO indicado pela Wipro, afirma que a empresa está focada no aumento do Market share em seus principais negócios por meio do domínio integrado e dos serviços de tecnologia, enquanto também investe no futuro, construindo capacidades Digitais diferenciadas. “Vamos aproveitar a nossa forte cultura de inovação e equipe talentosa, para construir propostas de valor convincentes para os nossos clientes”. 

 

LATAM e Brasil 

Na América Latina a empresa manteve o foco na oferta de serviços nas seguintes linhas: Serviços de Infraestrutura Global, Tecnologias Avançadas e Soluções, Serviços de Aplicações de Negócios, Testing e BPO. Na região, a companhia possui cerca de mil e duzentos funcionários, 800 dos quais estão no Brasil, onde a empresa está presente desde 2006 e realiza iniciativas para a contratação e a capacitação de universitários da área de TI. A Wipro possui uma sede comercial em São Paulo e um Centro de Entrega Global em Curitiba. Além do Brasil, também atendem à América Latina os Centros de Entrega Global instalados na cidade de Guadalajara e Cuautitlán, no México. Para a região a estratégia é combinar cada vez mais o padrão global de conhecimento à dinâmica e cultura locais, além de, alcançar a meta de cerca 30% de crescimento nos próximos dois anos.  


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »