03/02/2016 às 10h17min - Atualizada em 03/02/2016 às 10h17min

Carnaval: conheça os mitos e verdades sobre a embriaguez e a ressaca

Lucio Agberto

O carnaval está chegando e, nesta época, muitos foliões sempre acabam exagerando no consumo de bebidas alcoólicas – causadoras da indesejável ressaca no dia seguinte. Segundo a clínica geral do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, Lígia Brito, os fatores que mais contribuem para a embriaguez e a ressaca são a hipoglicemia e a desidratação.

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) apontam que cerca de 30% dos homens e 10% das mulheres consomem álcool em excesso pelo menos uma vez por semana. Além disso, quase 80% dos jovens admitem consumir bebidas alcoólicas regularmente.

“O álcool potencializa o aumento dos casos de hipoglicemia, que pode causar tontura e mal estar. Isso acontece porque, ao passar pelo fígado, o álcool etílico utiliza a glicose do organismo no processo do metabolismo”, explica a médica. Ou seja, a absorção do álcool pelo intestino é muito mais rápida que a capacidade do fígado em metabolizar a bebida.

No dia seguinte, após a bebedeira, os tradicionais sintomas da ressaca são dor de cabeça, fraqueza, tontura, náusea e boca seca. É comum também que a pessoa nesta situação vá ao banheiro com maior frequência, podendo ter diarreia.

O consumo de suco de fruta com açúcar surge como uma das principais armas contra a embriaguez e a ressaca, auxiliando o organismo a manter a taxa de glicose no corpo, além de ajudar no processo natural de hidratação.

Conheça os mitos e verdades sobre a embriaguez e a ressaca

  • Tomar refrigerante no dia seguinte ameniza os sintomas?
  • O açúcar encontrado neste produto ajuda a aumentar a taxa de glicose no corpo, mas não tem eficácia sobre todos os sintomas.
  • Ingerir alimentos com carboidratos é uma boa opção contra a embriaguez e a ressaca?
  • . Apostar em fatias de pão, purê de batata, arroz e produtos com açúcar é uma boa opção antes de começar a beber.
  • Antiácidos antes e depois ajudam na ação contra a ressaca?
  • Ajudam a diminuir as dores no estômago, mas não o fígado. Portanto, este tipo de medicamento não é totalmente eficaz.
  • Banho frio cura a bebedeira?
  • O banho gelado ajuda a despertar, mas pode causar hipotermia e, em alguns casos, piora o estado da pessoa.
  • Água de coco é mais eficiente que os refrigerantes contra a ressaca?
  • Apostar na água de coco é uma boa dica, pois, além de conter glicose, é absorvido mais facilmente pelo corpo e auxilia na hidratação.

 

COMPLEXO HOSPITALAR EDMUNDO VASCONCELOS

Localizado ao lado do Parque do Ibirapuera, em São Paulo, o Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos atua em mais de 50 especialidades e conta com cerca de 1.400 médicos. Realiza aproximadamente 12 mil procedimentos cirúrgicos, 13 mil internações, 230 mil consultas ambulatoriais, 145 mil atendimentos de Pronto-Socorro e 1,45 milhão de exames por ano. Dentre os selos e certificações obtidos pela instituição, destaca-se a Acreditação Hospitalar Nível 3 - Excelência em Gestão, concedida pela Organização Nacional de Acreditação (ONA) e o Prêmio Melhores Empresas para Trabalhar no Brasil, conquistado pelo quinto ano consecutivo em 2015.

Rua Borges Lagoa, 1.450 - Vila Clementino, Zona Sul de São Paulo. 
Tel. (11) 5080-4000
Site: www.hpev.com.br
Facebook: www.facebook.com/ComplexoHospitalarEV
Twitter: www.twitter.com/Hospital_EV
YouTube: www.youtube.com/user/HospitalEV
________________________________ 
Informações para a imprensa:
TREE COMUNICAÇÃO
(11) 3093-3604 / 3093-3636
Isabel Lopes – isabel.lopes@tree.inf.br
Lucio Agberto – lucio.agberto@tree.inf.br


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »