11/11/2015 às 10h27min - Atualizada em 11/11/2015 às 10h27min

Programa de Qualificação de Operadoras terá mudanças a partir do próximo ano

As dimensões do Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS) foram alteradas em sua composição e no seu peso para definição das notas das operadoras

Agência Pauta VIP
Dr. José Henrique de Oliveira, diretor de Operações e Credenciamento do INPAO Dental

O Programa de Qualificação das Operadoras, promovido pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), terá mudanças a partir do próximo ano. As dimensões do Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS) foram alteradas em sua composição e no seu peso para definição das notas das operadoras. Segundo a própria agência, “essas mudanças são resultado do alinhamento aos Eixos Direcionais da ANS, à Agenda Regulatória e à literatura de Qualidade em Saúde”. 

O IDSS 2016 continuará com quatro dimensões, mas apresentadas agora na seguinte composição:

• Qualidade em atenção à saúde: avaliação do conjunto de ações em saúde que contribuem para o atendimento das necessidades de saúde dos beneficiários, com ênfase nas ações de promoção, prevenção e assistência à saúde prestada;

• Garantia de acesso: condições relacionadas à rede assistencial que possibilitam a garantia de acesso, abrangendo a oferta de rede de prestadores;

• Sustentabilidade no mercado: monitoramento da sustentabilidade da operadora, considerando seu equilíbrio econômico-financeiro, passando pela satisfação do beneficiário e compromissos com prestadores;

• Gestão de processos e regulação: Entre outros indicadores, essa dimensão afere o cumprimento das obrigações técnicas e cadastrais das operadoras junto à ANS.

Outra mudança está no impacto de cada dimensão na composição das notas das operadoras. Ao contrário do que era feito até este ano, no próximo levantamento todas terão o mesmo peso, ou seja, 25%. Anteriormente, o indicador “Atenção à Saúde” possuía 40% de importância, o dobro dos outros três, cada um com 20%.

Responsável pela maior nota do mercado justamente no indicador “Atenção à Saúde” em 2015, o INPAO Dental acredita que a mudança não afetará sua qualificação no próximo levantamento do orgão regulador. “Sempre vemos com bons olhos as mudanças sugeridas pela ANS. Como somos especialistas em odontologia e primamos pela qualidade do tratamento que prestamos aos nossos beneficiários, nosso desempenho nesse indicador em especial jamais irá mudar”, garante o Dr. José Henrique de Oliveira, diretor de Operações e Credenciamento do INPAO Dental.

O Programa de Qualificação de Operadoras faz parte de um conjunto de iniciativas da ANS que tem como base a avaliação e o estímulo à qualidade do setor, buscando a integração deste a outros programas de qualidade tais como o Programa de Acreditação de Operadoras e Programa de Qualificação de Prestadores – Qualiss.

Sobre o INPAO Dental

O INPAO Dental (Instituto de Previdência e Assistência Odontológica), empresa especialista em odontologia, é uma das maiores operadoras de capital fechado do país. A companhia garante atendimento de qualidade em sua rede credenciada altamente especializada e está presente em todo território nacional, com mais de 17 mil opções de atendimento. 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »