27/02/2023 às 10h11min - Atualizada em 27/02/2023 às 20h04min

Empresa europeia chega ao Brasil para contribuir com veterinários

Empresa europeia chega ao Brasil para contribuir com veterinários

SALA DA NOTÍCIA Isadora Fabris

O Brasil tem uma das maiores populações de animais de companhia do mundo. São 55 milhões de cães e 30 milhões de gatos, sendo que 53% dos lares possuem pelo menos um pet. Somente em saúde, esse segmento movimenta mais de R$ 2,3 bilhões por ano*. “A boa notícia é que esse mercado cresce anualmente a duplos dígitos e tem se mostrado muito resiliente. Por outro lado, há um importante desafio a enfrentar: ainda é baixo o índice de medicação dos cães e gatos no país. Somente 34% dos tutores de cães e 36% dos tutores de gatos levam seus pets à clínica regularmente*. Cuidando melhor da saúde dos pets, eles vivem mais e melhor. E isso interessa tanto aos tutores como aos clínicos”, afirma o médico veterinário Henry Berger, Head Latam e Diretor Geral da VetFamily no Brasil.

A VetFamily, organização global líder em clínicas independentes, está chegando ao Brasil para ajudar os veterinários a empreender boas práticas de gestão e compartilhar soluções e ferramentas para aumentar a rentabilidade das clínicas veterinárias, tendo como pontos centrais a atenção à saúde dos pets e a capacitação dos médicos veterinários.

Henry Berger explica que os tutores têm o hábito de se preocupar com os cães e gatos somente quando eles apresentam algum sintoma de problema de saúde. “E é normal que pensem assim”, diz. “Cumpre aos clínicos criar a cultura da medicina preventiva. Fazer a correta gestão dos protocolos médicos preventivos dos pets é positivo para os animais, menos oneroso para os tutores e mais rentável para os veterinários”, explica Berger, profissional com mais de duas décadas de experiência no mercado de saúde animal.

“É complexa a administração de uma clínica, incluindo o gerenciamento da equipe e as rotinas, o atendimento dos clientes e a negociação com os fornecedores, entre outros tópicos. Tanto isso é verdade que a falta de tempo é o principal desafio citado pelos veterinários, que resulta inclusive em não empreender os ajustes necessários no seu negócio. A proposta da VetFamily é contribuir para o sucesso dos médicos veterinários com auxílio na gestão da clínica, compartilhamento de conhecimento (técnico, marketing e boas práticas) e melhores condições comerciais com os fornecedores”, reforça Berger.

Pesquisas identificam que a implementação de um simples, mas efetivo, sistema de lembretes aos tutores do calendário de saúde dos pets pode proporcionar elevação de quase 50% na receita das clínicas veterinárias. “A implementação de uma simples agenda contribui, e muito, para melhorar o resultado financeiro do negócio. É uma iniciativa básica, porém pouco utilizada com eficiência pelos veterinários, que contribui para o aumento do índice de retorno dos pets à clínica. A partir desse passo, os veterinários têm condições de acompanhar de perto a vida dos animais, tornando-se inclusive um agente de maior confiança dos tutores e fidelização dos clientes”.

Outra frente importante para aumentar a rentabilidade da clínica veterinária envolve a negociação com fornecedores. “A VetFamily tem acordos globais com as grandes empresas do setor de saúde animal, petfood e insumos, e está fechando tais acordos também no Brasil. Nossa proposta é oferecer vantagens comerciais para os veterinários membros da VetFamily além daquelas que eles já conseguem normalmente com seus fornecedores. Ou seja, eles terão mais competitividade financeira e, assim, conseguirão aumentar seu faturamento com estes produtos”, detalha Henry Berger, que acrescenta que esse processo é igualmente positivo para as indústrias, que são beneficiadas pela maior geração de demanda e crescimento do mercado como um todo.

A VetFamily também se propõe a ajudar na administração da clínica veterinária com o fornecimento de conteúdos exclusivos nas áreas de gestão financeira, pessoas, marketing digital e difusão de conhecimento na forma de webinars, podcasts, artigos, e-books e outros. “Médicos veterinários não são preparados na faculdade para o gerenciamento de clínicas. Nos propomos a ajudá-los nesse processo, inclusive com ferramentas de autoanálise, benchmarking, métricas, relatórios e dados. O desafio da transformação digital é premente e os veterinários precisam estar atualizados também nesse campo. Importante destacar, ainda, o senso de comunidade resultante desse trabalho, pois os veterinários parceiros da VetFamily fazem parte de uma rede para networking e compartilhamento de experiências positivas”.

Levantamento da VetFamily aponta que há no Brasil cerca de 20 mil clínicas veterinárias para animais de companhia, sendo 70% pequenas e outras 30% consideradas médias ou grandes. No total, são mais de 160 mil veterinários e outros 8 mil se formando todos os anos*.

“Esse é um universo extremamente importante, pois envolve o cuidado com os animais que tanto amamos. A VetFamily está ao lado dos veterinários, contribuindo para eles terem sucesso como gestores, já que como profissionais fazem um trabalho fantástico", reforça Henry Berger.

Sobre VetFamily – Organização global líder em soluções para clínicas veterinárias independentes, é parte do Vimian Group, tem sede em Estocolmo (Suécia) e reúne mais de 4.300 clínicas e 10.000 veterinários de dez países da União Europeia, além de Estados Unidos, China e, agora, Brasil. Seu objetivo principal é contribuir para a melhor administração e lucratividade das clínicas, oferecendo diversos serviços, como centralização da negociação com parceiros comerciais, apoio à gestão e disseminação de conhecimento. Conheça mais em www.vetfamilybrasil.com.br

(*) Dados consolidados de Sindan, Comac e Abinpet


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp