17/02/2023 às 11h14min - Atualizada em 17/02/2023 às 20h10min

Janeiro dá uma trégua na aceleração dos preços nos supermercados

O padrão observado ao longo de 2022 de aumento de preços e queda nas unidades vendidas se mantém, mas em ritmo menor, segundo estudo Radar Scanntech

SALA DA NOTÍCIA Gabriel Vieira de Godois

Segundo o estudo mensal Radar Scanntech do fechamento de janeiro de 2023, a alta nos preços e a queda no volume de vendas perderam fôlego no primeiro mês do ano de 2023.  

“O movimento observado ao longo de 2022, que teve retração de -3,5% de unidades vendidas, continuou em janeiro, mas observamos um ritmo menor dessa queda em janeiro”, afirma Priscila Ariani, diretora de Marketing da Scanntech. 

Mas, nem tudo continua na mesma tendência de 2022. O estudo revela ainda que o Atacarejo Regional, canal de maior retração em unidades em 2022, foi o único canal em janeiro que aumentou as unidades vendidas (0,5%), assim como bebidas, que retraiu na maioria dos meses de 2022, também reverteu seu comportamento e começou o ano com aumento de vendas em unidades (0,1%). 

Ainda segundo a executiva, o fluxo nas lojas também aumentou se comparado ao mesmo mês de 2022. “Porém, vale lembrar que em janeiro do ano passado estávamos no pico da variante ômicron do coronavírus”. 

Entre as categorias que continuam acelerando preços acima da média estão: carvão e lenha, milho em conserva, sabão em pó, farinha de trigo, leite, sabão em pedra, entre outras, conforme gráfico abaixo. 



 

O destaque de janeiro é para a cesta de produtos de limpeza, que apresentou alta de 15,1% nos preços, em comparação a janeiro de 2022.  

“Nos últimos anos, essa cesta vinha sendo impactada pelos preços do álcool em gel (-37,7%). Mas, agora é diferente. O álcool em gel desacelerou e o aumento reflete o preço do sabão em pó (28,5%), amaciante (17,4%) e sabão líquido (32,2%).  



CLIQUE AQUI Para acessar a análise completa do Radar Scanntech de janeiro 2023. 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp