15/02/2023 às 09h56min - Atualizada em 15/02/2023 às 20h10min

Raízen conecta nova usina de energia renovável em Vazante e aumenta sua capacidade em Minas Gerais

Empresa pretende alcançar 17,23 MW de potência instalada em usinas fotovoltaicas no estado até abril de 2023

SALA DA NOTÍCIA Loures Consultoria

São Paulo, fevereiro de 2023 - A Raízen, empresa integrada de energia e referência global em bioenergia, anuncia que irá aumentar 72,3% da sua capacidade renovável em Minas Gerais até abril de 2023. A empresa, que até novembro possuía aproximadamente 10 MW em geração distribuída de plantas solares no estado, o suficiente para abastecer uma cidade como Extrema (MG), com 36 mil habitantes, acaba de conectar uma nova usina na cidade de Vazante, adicionando mais 2 MW na rede. Nos próximos dois meses, a companhia irá conectar mais duas usinas em Varjão de Minas e instalar mais 4,88 MW, atingindo uma potência de 17,23 MW.

Outras usinas da companhia no estado, localizadas nos municípios de Capitão Enéas e Bocaiúva, atendem mais de 400 unidades consumidoras na região, incluindo grandes empresas nacionais, como redes de academias, varejo de moda, entre outras.

“Um dos maiores diferenciais da Raízen na área de energia é que ela é uma das únicas empresas que tem oferta em mais de uma região, com usinas com espaço para entrada de clientes de imediato e plantas em construção que serão conectadas em 2023. Além disso, nossa solução oferece a maior economia de Minas Gerais, se compararmos com outras empresas do estado. Nossos projetos de GD geram a partir de 20% de economia nas tarifas, podendo chegar a 36% quando estamos em bandeira de escassez hídrica, tudo isso sem nenhuma fidelidade”, comenta Frederico Saliba, VP de Energia e Renováveis da Raízen.

Destaque no mercado nacional de geração distribuída e com um amplo portfólio de soluções integradas, a Raízen gera sua própria energia por meio de fontes renováveis, como o sol, subprodutos da cana-de-açúcar e outras fontes limpas, permitindo que empresas de pequeno, médio e grande portes façam parte de suas plantas, incrementando a sustentabilidade nos seus negócios e ganhando maior controle de seus custos com energia. “A Raízen tem um importante papel na descarbonização do País, apresentando soluções mais sustentáveis para clientes que buscam uma matriz cada vez mais limpa e eficiente, estimulando a competitividade do setor”, afirma Saliba.

Além de soluções de Geração Distribuída, a Raízen é uma one-stop-shop de energia, com um amplo portfólio de produtos disponível para os clientes de Minas Gerais, como migração para o Mercado Livre de Energia, comercialização de certificados internacionais de energia renovável (I-RECs), estações de recarga para veículos elétricos (Shell Recharge e Tupinambá) e, por meio das empresas investidas junto com o Grupo Gera, que também atua no setor de energia, soluções domiciliares de energia solar (Holu), gestão de refrigeração (Diel) e eficiência energética para condomínios (Tyr).

 

Sobre a Raízen 

Com o propósito de redefinir o futuro da energia a partir de um amplo portfólio de soluções renováveis, a Raízen possui um modelo de atuação único e irreplicável, sendo protagonista em todos os setores em que atua e liderando a transição energética do País. Ao promover impacto positivo a todos os seus stakeholders, a empresa tem como compromisso produzir hoje a energia do futuro, por meio do crescimento sustentável lucrativo do negócio, orientada por metas factíveis, sólidas e alinhadas ao seu propósito.

Por meio de tecnologias avançadas e proprietárias, a Raízen tem ampliado seu portfólio de renováveis, como o etanol de segunda geração (E2G), o biogás, biometano e a bioeletricidade de fontes 100% limpas. Desde sua formação, a Raízen já evitou 30 milhões de toneladas de CO2 e tem como objetivo ampliar o potencial de descarbonização por meio de seus produtos para mais de 10 milhões de toneladas de CO2 evitados por ano. Ainda, a empresa tem como um de seus objetivos, ser o melhor parceiro na descarbonização, por isso, assumiu a meta de ter 80% do EBITDA de negócios e fontes renováveis até 2030.

Com um time de mais de 43 mil funcionários, opera 35 parques de bioenergia, com capacidade instalada para moagem de 105 milhões de toneladas de cana com cerca de 1,3 milhão de hectares de áreas agrícolas cultivadas com tecnologia de ponta e colheita totalmente mecanizada. Na safra 21´22, produziu 3,5 bilhões de litros de etanol, 6,2 milhões de toneladas de açúcar e 2,9 TWh de bioenergia produzida a partir da biomassa da cana. 

Por meio de uma rede de mais de 7.900 mil postos revendedores que estampam a marca Shell no Brasil, na Argentina e no Paraguai, atende milhões de consumidores diariamente em suas jornadas, oferecendo desde os exclusivos combustíveis da família Shell V-Power até praticidade e benefícios na hora do pagamento com o aplicativo Shell Box. Pelo Grupo Nós (Joint venture com a FEMSA Comercio), atua no varejo de conveniência e proximidade com mais de 1.400 lojas Shell Select e com os mercados OXXO. Na safra 21´22 comercializou 34 bilhões de litros de combustíveis por meio de sua infraestrutura que conta com mais de 70 terminais de distribuição pelo país, com presença em 19 portos e 70 bases de abastecimento em aeroportos.

Está entre as maiores empresas do Brasil. Na safra 21’22, a Raízen apresentou uma receita líquida de R$ 196 bilhões, gerando emprego e renda, dinamizando a economia e promovendo impacto social positivo por meio de inúmeras ações, com destaque para a Fundação Raízen, instituição sem fins lucrativos que há 20 anos atua na educação de crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp