27/01/2023 às 09h36min - Atualizada em 28/01/2023 às 04h08min

iFood impulsiona certificação de Ensino Médio de entregadores

Programa Meu Diploma do Ensino Médio, em parceria com a Descomplica e Termine Seus Estudos, ajudou na formação de 500 parceiros da plataforma na primeira turma; abertura para inscrições da segunda edição ocorrerá em breve

SALA DA NOTÍCIA iFood

Mais da metade da população brasileira acima dos 25 anos não concluiu o ensino médio, somando mais de 69 milhões de pessoas. No iFood, cerca de 28% dos entregadores não concluíram essa etapa escolar. Com o objetivo de ajudar a suprir um dos maiores gargalos na educação básica brasileira, a empresa, em parceria com a Descomplica e com a Termine Seus Estudos, plataformas de estudo online, ajudou na formação de 500 entregadores e entregadoras parceiros, por meio do programa Meu Diploma do Ensino Médio. Foram mais de 5 mil entregadores inscritos na prova do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) e que receberam bolsas de estudos para o curso preparatório, online e gratuito para o exame de 2022. A aprovação garantiu para a primeira turma, que iniciou em janeiro de 2022, a emissão do certificado de conclusão do Ensino Fundamental ou do Ensino Médio.
 

“O iFood acredita que educação e tecnologia são as principais alavancas para a transformação social do país e que, a partir de incentivos à educação básica, é possível promover acesso, gerar mais oportunidades e impactar positivamente a vida dos brasileiros. Investimos em iniciativas que vão desde o despertar do interesse nos estudos até a formação do profissional em cursos da área de tecnologia. O certificado por meio do Meu Diploma do Ensino Médio é uma conquista para o iFood como um todo. Para nós significa o desenvolvimento e valorização dos entregadores e entregadoras e para eles é muito mais. Significa dignidade, autoconfiança, ser exemplo e, principalmente, tornar cada vez mais real o sonho de quem pretende entrar para a universidade”, afirma Gustavo Vitti, vice-presidente de Pessoas e Sustentabilidade no iFood.

 

O evento de formatura ocorreu na última terça-feira, 17 de janeiro, no estúdio iFood, em Osasco (SP) e contou também com a exibição ao vivo, online, para os participantes do programa. Benefícios especiais também serão oferecidos aos recém-formados para completar a jornada de educação, como descontos de até 100% em cursos universitários, por meio da parceria com a FAM, e novas bolsas para formação em tecnologia na plataforma Potência Tech, criada pelo iFood. 

 

Em março o iFood iniciará as inscrições para a segunda edição do programa, dando oportunidade para que aqueles que ficaram de fora no ano passado, ou que não foram aprovados no exame no primeiro ano, tenham uma segunda chance.
 

Sobre o Meu Diploma de Ensino Médio

O programa Meu Diploma do Ensino Médio é focado nos parceiros entregadores e entregadoras que não concluíram essa etapa do ensino. São distribuídas bolsas de estudo para o curso preparatório para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja). 

O curso é totalmente online e o recomendável é pelo menos 2,5 horas de estudo por dia, ao longo de três meses. A prova final do Encceja é realizada presencialmente e a aprovação no exame garante a emissão do certificado de conclusão (ou diploma) do Ensino Fundamental ou do Ensino Médio. As vagas são para quem tem 18 anos ou mais, faixa etária permitida para atuar como entregador na plataforma.

 

Investimento do iFood em Educação

O iFood assumiu três compromissos públicos em educação para incentivar a formação básica, formar e empregar pessoas de públicos sub-representados e de baixa renda na área de tecnologia e capacitar brasileiros para o trabalho do futuro e para o empreendedorismo.

Dentro das iniciativas estão: o iFood Decola, plataforma para apoiar o desenvolvimento do entregador e ajudar a melhorar a renda com o trabalho via app, com programas de capacitação em diversas profissões; o Movimento Tech, parceria com a XP e outras empresas para arrecadar R$ 100 milhões até 2025 em projetos que aceleram a capacitação e a empregabilidade na área de tecnologia; e o Potência Tech, que oferece cursos introdutórios, bolsas para formação na área e vagas de emprego para que pessoas com perfis sub-representados nessa área possam se especializar e começar uma nova carreira. 

A empresa ainda tem como compromisso público, até 2025, formar e empregar 25 mil pessoas de perfis sub-representados e de baixa renda em tecnologia.

 

Sobre o iFood

O iFood é uma empresa brasileira de tecnologia referência em delivery online, que aproxima clientes, restaurantes e entregadores de forma simples e prática. E para proporcionar uma experiência completa a cada um deles, a entrega vai além do delivery. O iFood tem o propósito de alimentar o futuro do Brasil e do mundo, transformando a sociedade por meio da educação e da tecnologia, da segurança alimentar, da inclusão e com um impacto socioambiental positivo.

Com mais de 65 milhões de pedidos mensais, o iFood atua com inteligência de negócio e soluções de gestão para promover e desenvolver um ecossistema de mais de 300 mil estabelecimentos cadastrados, 200 mil entregadores conectados em mais de 1700 cidades em todo o Brasil. Há 11 anos no mercado, atua também em frentes de negócios complementares à sua cadeia, como mercado, fintech e benefícios, unindo tecnologia e conveniência na entrega de soluções aos parceiros. O iFood conta com importantes investidores, como a Movile, um investidor de longo prazo em empresas de tecnologia na América Latina e que pretende ser o maior ‘fabricante de tese’ da região, e a Just Eat, uma das maiores empresas de pedidos online do mundo. Por meio do portal de notícias da empresa, o iFood News, são repercutidos os principais temas da atualidade e da Nova Economia, conteúdos sobre negócios, cases e tendências sobre inovações no país e no mundo.


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp