27/05/2022 às 16h33min - Atualizada em 27/05/2022 às 16h23min

O que são prefixos e sufixos em inglês?

Os prefixos e sufixos são ferramentas gramaticais muito importantes na criação de uma linguagem clara e objetiva. 

Eles representam acréscimo nas primeiras ou nas últimas letras de uma palavra, dando a ela novos significados e deixando elas mais completas para determinados tipos de frases.

Dito isso, esse acréscimo pode manter o sentido da palavra, completá-lo ou mudá-lo completamente, por isso é tão importante saber utilizá-lo com inteligência. 

O prefixo é quando a mudança acontece antes do radical, ou seja, antes da palavra inicial, a base. Já o sufixo acontece logo após a base.

Bem, mas essa é uma regra gramatica muito comum para quem está no Brasil e lida todo dia com o idioma. No entanto, esse mesmo conceito de prefixo e sufixo é aplicado em outros idiomas, como é o caso do inglês. 

Sendo assim, o que são os prefixos e os sufixos em inglês? Como funcionam porque é uma boa opção utilizar eles no dialeto?

O inglês no mundo

O idioma sempre foi muito importante, sobretudo porque os Estados Unidos o utilizam, fazendo com que ele seja importante para quase todo o mundo. 

Atualmente, no mercado de trabalho que estamos, é muito comum encontrar pessoas que desejam aprender mais sobre o inglês.

Sabendo da importância de dominar esse idioma, aprender tudo possível sobre ele é fundamental. Hoje, é mais comum que empresas cobrem esse conhecimento e, como estamos falando de um ambiente profissional, aprender o inglês formalmente é fundamental.

Diante disso, muitos acabam acreditando que esse é um idioma muito complicado para aprender. 

Bem, ele não está entre uma das línguas complicadas de entender e com algumas dicas você pode ter ainda mais facilidade em aprender tudo sobre ele.

Aprender mais sobre os sufixos e prefixos no inglês é uma das várias formas de aprender o idioma e aqui falaremos mais sobre isso!

Mas… O que são prefixos e sufixos em inglês

Primeiramente você deve entender que esses dois nomes pertencem a apenas uma categoria, a dos afixos. 

Os afixos são partes extras que podem ser incorporadas em várias palavras. Como exemplo, em português, podemos citar:

  • A palavra feliz pode receber um prefixo, ficando, nesse caso, infeliz. Por outro lado, ela também pode receber um sufixo, ficando como felizmente. 

Viu só? Bem, há também aquelas palavras que utilizam os dois, como “infelizmente”. A boa notícia é que os sufixos e prefixos em inglês funcionam de uma forma bem similar ao português, o que facilita e muito a aprendizagem dessas regras.

Dessa forma, é possível acrescentar termos ao final ou ao começo de uma palavra. Falando da gramática por trás deles, podemos dizer serem letras que se juntam, morfemas com capacidade de gerar novo significado a uma palavra. 

Lembrando que todas essas alterações são em torno do radical. Ou seja, não há como um prefixo receber um sufixo ou um sufixo receber um prefixo.

Outra informação importante é que nem sempre você sabe a palavra que é o radical. Por exemplo, no termo antipatia a palavra “patia” é o radical, mas ela nunca é utilizada sem um prefixo.

O significado da palavra mudou também, apesar da classe gramatica continuar a mesma.

Sobre os prefixos em inglês

Bem, os prefixos são afixos que estão antes do radical. No inglês há muitos, alguns até conhecidos pelos brasileiros e o mundo lá fora. Quer um exemplo? 

A palavra “deslike” é a união da palavra “like” com o prefixo “Dis”. Esse afixo é utilizado com a finalidade de demonstrar oposição a um termo.

Mas não é somente isso, alguns outros são famosos também. O prefixo “Un” é muito utilizado para dar o sentido de não. Um exemplo disso é a frase “My Brother is Unhappy in his marriage” - Meu irmão está infeliz no casamento.

Viu só como tudo mudou? Há outros que possuem um significado bem conhecido também. O RE, por exemplo, que significa fazer novamente. O “IN” e até o “IR”, que oferece para a gramática uma ideia de negação.

Quanto aos sufixos mais famosos

Se tratando dos sufixos também estamos com uma lista enorme. Veja bem, alguns deles são muito utilizados para dar novo significado às palavras. Um exemplo disso é o “Est”. 

Ele serve para dar um grau de superioridade a ação ou situação. Sendo utilizado também para destacar termos já colocados na frase, veja um exemplo a seguir:

  • Heis The Tallest student in the school - Ele é o aluno mais alto da sala.

Esse sufixo é sempre utilizado para destacar o adjetivo. Além deles há muitos outros que podem se mesclar bem a palavra, como no caso de Able, Ly, Tion e afins. Todos eles são largamente utilizados na gramática inglesa e completam muitas frases. 

Esse conteúdo foi criado em parceria com a escola de idiomas Essential, onde você encontrara outros cursos e guiar para falar inglês fluente.

Link
Leia Também »
Comentários »