27/01/2012 às 00h22min - Atualizada em 06/05/2012 às 00h22min

Carlos Nascimento critica fenômeno Luiza do Canadá

Até o apresentador do “Jornal Nacional”, William Bonner, participou da corrente.

Fabio Maksymczuk

Olá, internautas

Na última semana, o fenômeno Luiza do Canadá estourou na web. Um anúncio comercial da Paraíba ganhou repercussão em todo o País, após a mobilização dos internautas nas redes sociais. Tudo começou após o pai da jovem, Gerardo Rabello, ter dito em uma propaganda que ela não participava do informe porque estava no Canadá.

Qualquer mensagem publicada no twitter ou facebook ganhava a expressão “menos Luiza que está no Canadá”. Até o apresentador do “Jornal Nacional”, William Bonner, participou da corrente.

Nem todos encararam o fenômeno como brincadeira inocente. Carlos Nascimento, no “Jornal do SBT”,  bradou um discurso que questionou o comportamento dos internautas. “Ou os problemas brasileiros estão todos resolvidos, ou nós nos tornamos perfeitos idiotas. Não é possível que dois assuntos tão fúteis possam chamar a atenção de um país inteiro. Primeiro um programa de televisão em que se discute um estupro, que por si só já é um absurdo, negado pelos dois protagonistas. Segundo, uma pessoa que ninguém conhece vira uma celebridade na mídia somente porque o nome apareceu milhões de vezes na internet. Luiza já voltou do Canadá. E nós já fomos mais inteligentes”, disparou Nascimento. Resultado: o jornalista também virou um dos assuntos mais comentados no mundo virtual.

Muitos apoiaram o apresentador. Outros criticaram a falta de humor. A grande realidade é que vivemos a era da “celebritização”. Com as novas tecnologias, que aboliram a comunicação de mão única entre emissor e receptor, cidadãos “comuns” podem virar celebridades momentâneas, após uma bem sucedida campanha viral.

As câmeras digitais também permitiram a proliferação das fotos e vídeos por todos os cantos. É a popularização máxima da imagem que, antes, ficava restrita a um grupo de personalidades. Muitas crianças, jovens e até senhores divulgam suas fotos nas redes sociais e mostram toda sua “felicidade”. O importante é aparecer.

Por isso mesmo, “Luiza do Canadá”, que nem aparecia na campanha publicitária, virou alvo da balbúrdia. Como assim? “Temos que conhecê-la!”. E dá-lhe espiadinha na moçoila....

Fabio Maksymczuk

Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »