10/09/2021 às 09h55min - Atualizada em 10/09/2021 às 09h50min

É possível usar o ring light para fotos de comida?

Primeiramente, antes de entender se é possível utilizar o ring light para fotos de comida, é necessário conhecer um pouco mais sobre esse artefato, e suas aplicações. 

Ele é muito utilizado para mídias sociais, e principalmente blogueiros, para melhorar a qualidade das fotos, devido ao tipo de iluminação apresentada. 

O que é o ring light? 

Ao traduzir ao pé da letra, o Ring Light, tem o significado de “Anel de Luz”, que basicamente retrata sua forma, já que ele é um anel iluminado normalmente com uma luz branca de alta potência. 

A cada dia ela conquista novos admiradores, os criadores de conteúdo digital já utilizam há muitos anos, pois o ganho da qualidade da imagem é bem relevante. 

No entanto, atualmente o ring light está ganhando novos adeptos e novas modalidades. Em salões de beleza, eles fazem parte do dia-a-dia, para fotografar as clientes com penteados finalizados, e detalhar os cortes e colorações realizadas. 

Mas em fotografia de gastronomia, ele pode ser utilizado? Sim! Mas vamos entender o motivo. 

Para que serve o ring light? Ele pode ser utilizado para fotos de comida?

O ring light foi desenvolvido para valorizar a pele e os olhos das pessoas, criando uma fonte de luz externa, melhorando e suavizando os traços da pele, e evitando as temidas sombras. Além de dar um brilho muito interessante aos olhos. 

Contudo, ao utilizar para fotografar pratos e alimentos, ele também pode ser utilizado com muito sucesso, já que ele não cria sombras nos alimentos, o que poderia passar uma sensação diferente nas fotos. 

E ainda ele consegue valorizar o alimento, justamente pelo brilho e o tipo de iluminação, os alimentos parecem sempre frescos e bem apetitosos! Um prato de feijoada, por exemplo, com o uso do ring light, ele pode parecer que acabou de ser colocado no prato, com um ar caseiro e muito atraente. 

Ele é o melhor recurso para fotos de alimentos e pratos gastronômicos? 

No entanto, como falamos anteriormente, o ring light não é o equipamento ideal para fotos de alimentos, existem outros recursos disponíveis para deixar sua foto muito mais atraente e chamativa para seus clientes. 

A melhor aplicação do ring light ainda é para retrato profissional, criação de conteúdo digital, selfies, entre outros. Mas, se você não tiver todos os equipamentos necessários, o uso dele é muito interessante, já que você conseguirá um bom efeito e boas fotos. 

Qual é o melhor para utilizar em fotos de comida? 

Inicialmente, dê preferência para os modelos com cores neutras, ou que a temperatura esteja entre 4.500k e 5.000k, para que você consiga um tom mais frio, e uma luz focada em um tom mais branco, do que tons amarelados. Abaixo do 4.500k, a cor varia para tons amarelados, perdendo um pouco do brilho e da intenção do uso do ring light. 

Se tiver dentro das suas possibilidades, escolha o modelo que seja possível regular a intensidade, através do dimmer. E se o uso for constante, opte por modelos com fonte de alimentação elétrica (tomada). Os modelos à pilha têm uma variação maior de intensidade, e com o uso, perdem a intensidade na luminosidade. 

3 Dicas incríveis para usar ring light em fotos de comida

Agora que entendemos que o ring light pode ser utilizado em fotos de comida e pratos gastronômicos, mas que não é o equipamento ideal. Vamos às dicas especiais para conseguir tirar o máximo proveito do uso! Veja a seguir. 

Use um difusor

Pelo ring light ter sido criado para melhorar a luminosidade da pele, redução de traços e aumentar o brilho dos olhos, o seu formato pode refletir em alguns alimentos e pratos, principalmente em pratos de sopa que tendem a ter uma superfície lisa e refletora. 

Por isso, o uso de um difusor é recomendado, para justamente reduzir a marca arredondada da iluminação. Dessa forma, você consegue ter uma foto com um bom brilho, mas sem marcas do uso do equipamento. 

Fique atento aos reflexos

Assim como falamos anteriormente, alguns tipos de alimentos e pratos, tendem a deixar mais evidente marcas de reflexos, devido ao tipo de superfície. É necessária uma atenção especial no ângulo escolhido e na iluminação, para que nenhum reflexo fique aparente e acabe estragando o trabalho. 

Esse é um ponto muito importante! Dessa forma, fique atento ao posicionamento do prato e dos elementos no entorno da foto, bem como nos pontos de luz de cada ângulo. 

Posicione o ring light lateral ao prato 

Para valorizar as sombras do prato, você pode usar o ring light na lateral do prato, assim você minimiza os riscos com reflexos diretamente na comida, e ainda consegue uma boa valorização da iluminação do prato, garantindo o melhor ângulo para o seu prato. 

Por fim, com essas dicas, você tem sucesso garantido com suas fotos de comida! 

 
Link
Lucas Widmar Pelisari

Lucas Widmar Pelisari

Descobrindo o Marketing Digital, dicas de como aumentar tráfego orgânico e otimização no posicionamento de domínios perante motores de busca

Relacionadas »
Comentários »