10/05/2021 às 16h08min - Atualizada em 10/05/2021 às 16h07min

Game Marketing: entenda o que é e como funciona

Num mercado cada vez mais disputado, é essencial diversificar as estratégias de marketing, saindo do lugar comum dos anúncios. Uma das estratégias alternativas é o Game Marketing – e o que é e como funciona o Game Marketing?

E por que usar dele? Bem, segundo pesquisa da NPD e ESPM, o perfil do público gamer mudou muito. A faixa etária maior é de 25 a 34 anos (34,8%), a segunda maior é de 16 a 24 anos (31,5%), mas há uma terceira: de 35 até 54 anos (27,2%).

Ou seja, utilizar dos jogos eletrônicos para marketing é mais eficiente do que pensa, com um público que não se restringe aos mais jovens. Contudo, como fazer jogos de marketing? Prossiga com a leitura e veja alguns exemplos de game marketing!

O que é e como funciona o Game Marketing?

Assim como antigamente a TV e o cinema eram utilizados para propaganda, jogos de marketing digital também são.

O Game Marketing é, basicamente, o uso da plataforma de jogos eletrônicos para a promoção de uma marca ou produto. A estratégia utiliza do cenário de jogos e dos seus diversos canais para essa promoção.

Ele pode ser feito através de um jogo próprio, uma inserção natural em jogo ou através de uma divulgação mais convencional. Por exemplo, em anúncios envolvendo jogos.

Como funciona o Game Marketing?

A ideia do Game Marketing é criar e aprimorar o brand awareness, que se trata da consciência de marca. O brand awareness é uma métrica que mede o quanto e como uma marca é reconhecida por seus consumidores.

Essa “consciência de marca” serve para analisar como as empresas são associadas aos seus produtos. Dessa forma, seu objetivo é fazer a marca ganhar notoriedade e ser bem lembrada pelo público, se tornando algo diferenciado.

Através dos jogos, a marca da empresa é inserida de maneira natural. Dessa forma, o usuário tem uma experiência mais positiva do que seria se a empresa empurrasse o produto pra cima dele.

Quais são os benefícios dos jogos de marketing digital?

Ao serem usados dentro do marketing digital, os jogos eletrônicos garantem três grandes benefícios:
  • Diversidade, pois há inúmeras formas de utilizar dos jogos de marketing digital;
  • Sutileza, o que torna o reconhecimento de marca mais natural e menos agressivo;
  • Precisão, pois a segmentação de público dos jogos eletrônicos é bem mais clara.

Por que diversificar as estratégias de marketing e adotar o Game Marketing?

Dentro do marketing online, é possível aplicar diversas estratégias: marketing de conteúdo, e-mail marketing, marketing social, etc. Por que adotar também os jogos de marketing?

O primeiro motivo é justamente o brand awareness. Quanto mais frentes de divulgação adotar, mais fácil se torna de reconhecer sua marca. Com presença nos mecanismos de busca, em e-mail, nas redes sociais e nos jogos, como ignorar?

O segundo motivo é mais direto: ao apostar em jogos, você consegue divulgar sua marca mesmo em momentos de lazer. Por ser uma inserção tão natural, não é gerada irritação por essa “invasão”.

Quais são os maiores exemplos de game marketing?

Alguns exemplos de game marketing bastante populares são inserções em jogos. Por exemplo, a Nokia era a marca de aparelhos de tecnologia presente no jogo Splinter Cell: Chaos Theory.

Além disso, muitas empresas de carro e moto se aproveitam dos jogos de corrida para divulgar seus modelos. Por fim, não dá para esquecer as placas de publicidade exclusivas presentes em simuladores de futebol e de outros esportes.
Outros exemplos de jogos de marketing, inclusive brasileiros, são:
  • “Vivo em Ação”, idealizado pela Vivo e considerado o primeiro ARG (Alternative Reality Game) realizado por uma operadora de telefonia celular;
  • “Obsessão Compulsiva”, que era uma estratégia de marketing online para o filme “Meu Nome Não é Johnny”;
  • “Quem Escondeu Borba Gato?”, que foi idealizado para promover uma exposição de obras de Júlio Guerra;
  • “The Lost Experience”, o primeiro ARG para a popular série Lost.

Como realizar o Game Marketing?

Para aplicar essa tática em sua empresa, você pode adotar mais de uma estratégia. Algumas ideias de Game Marketing são:
  • Contratar um desenvolvedor de jogos para produzir um jogo simples para celular, envolvendo sua marca;
  • Patrocinar times e eventos de eSports pelo Brasil;
  • Financiar o desenvolvimento de jogos independentes para garantir inserção de marca;
  • Fazer campanhas e promoções envolvendo itens de jogos, como um Gift Card Playstation.
Agora que entendeu o que é e como funciona o Game Marketing, é momento de entender outra coisa: não exagere. A ideia por trás dessa estratégia de marketing é que a inserção da sua marca seja o mais natural possível!
 
Link
Lucas Widmar Pelisari

Lucas Widmar Pelisari

Descobrindo o Marketing Digital, dicas de como aumentar tráfego orgânico e otimização no posicionamento de domínios perante motores de busca

Relacionadas »
Comentários »