07/12/2020 às 12h02min - Atualizada em 27/11/2020 às 12h01min

Como aproveitar o Black friday de forma segura

Novembro é um dos meses mais preferidos para os lojistas do Brasil por causa da Black Friday. A tradição surgiu nos Estados Unidos, na década de 50 e  teve a primeira versão no Brasil somente em 2010, trazendo diversas promoções sempre na última sexta feira do mês de novembro. 

Mas, apesar de ser uma data boa para o comércio, os consumidores precisam ficar alertas para não caírem em golpes. 

Um dos motivos mais citados por esses consumidores é a falta de confiança nas lojas e o medo de ser vítima de fraudes. Dessa forma, para que você faça uma compra segura, foram separadas algumas dicas a seguir:

1. Fique atento ao certificado SSL

Verifique se o site de compra online é seguro através do certificado SSL. Só assim, você poderá passar seus dados e confirmar a compra de forma mais segura. 

O certificado SSL é responsável por proteger os seus dados de compra do possível invasor e permitir que apenas o servidor da loja possa efetuar a compra. Com isso, evita que um terceiro acesse os dados da compra.

Para verificar se o site acessado tem certificado SSL, verifique se na parte esquerda da barra de endereços do seu navegador (onde  fica a URL do site) se existe um símbolo de um cadeado fechado. Caso não exista esse símbolo, você estará navegando em um ambiente inseguro e não confiável. Esses detalhes diz respeito a proteção de seus dados.

 

 

2. Pesquise o histórico de preços do produto

Como a Black Friday é o dia de maior venda para as lojas, muitas acabam tentando ludibriar os consumidores, oferecendo falsos descontos e promoções. Pesquise o preço normal médio antes do dia promocional. 

Alguns lojistas mal intencionados aumentam os produtos dias antes da Black Friday para baixarem os preços novamente quando chegar o dia da promoção. O objetivo é criar a ideia para o consumidor de que aquele preço é o mais em conta no momento. Mas o preço é apenas o preço normal praticado pela loja. Não teve nenhuma vantagem de desconto na Black Friday. 

Essa tática funciona porque o consumidor brasileiro não tem o perfil de pesquisar ofertas e comparar preços.  Uma dica é pesquisar sites comparativos de preços, que fazem uma pesquisa do histórico do preço do produto.

3. Fique alerta com e-mails e mensagens falsas

Ao receber e-mails ou mensagens em WhatsApp ou postagens em redes sociais com descontos enormes ou produtos grátis, desconfie. Tem muitos fraudadores clonando todo o visual de sites de ecommerces famosos para pegarem os dados bancários dos consumidores para aplicarem golpes. Por isso, é importante conferir o nome da loja na url do site para verificar se é realmente a loja pretendida. 

4 - Verifique a reputação da loja

 

Procure verificar a reputação da loja online através de sites como Reclame Aqui e fóruns de discussão. Veja se o atendimento foi prestado corretamente e se o problema foi resolvido.

Geralmente as lojas online com má reputação possuem reclamações de recebimento da mercadoria errada, não entrega do produto adquirido, produto com defeito etc. 

Uma boa dica para verificar a idoneidade da loja é verificar suas redes sociais. Por exemplo, no Facebook, verifique as avaliações de outros clientes. 

 

5. Use comparadores de preços e comunidades de ofertas

Uma das dicas para aproveitar o black friday de forma segura é verificar a variação de preço dentro de uma mesma loja. Outra dica é  utilizar os sites comparadores (Buscapé, Google Shopping etc) para ver o valor do mesmo produto ou serviço em diferentes locais. Além disso, tem diversos sites de promoções e descontos que os usuários compartilham as melhores ofertas do BlackFriday

 

Adotando os cuidados e dicas acima você aumentará bastante as chances de ter um Black Friday de sucesso e com boas economias.

 
Link
Relacionadas »
Comentários »