21/03/2012 às 23h43min - Atualizada em 05/05/2012 às 23h43min

"Domingo Espetacular" vira espaço da guerra santa midiática

O programa, dito jornalístico, tem a missão de exibir denúncias que afetam a sociedade.

Fabio Maksymczuk

Olá, internautas

A guerra santa midiática está declarada na TV brasileira. O “Domingo Espetacular” tornou-se espaço de denúncias contra Igrejas evangélicas. Isso mesmo. O programa ataca outras “agremiações religiosas” que disputam o valoroso “mercado de fiéis” com a Igreja Universal do Reino de Deus.

Recentemente, a revista eletrônica da Rede Record lançou dúvidas sobre um tal culto do “cai-cai”. Comandados por um líder religioso, as pessoas ficam imóveis, caem e se debatem, em transe, no chão. Evangélicos descrentes com o fenômeno foram entrevistados na longa reportagem. Porém, nenhum representante da tal Igreja foi sequer ouvido.

Já neste domingo (18/03), o “Domingo Espetacular” resolveu lançar várias denúncias contra o pastor Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder de Deus. Marcelo Rezende explorou sérias acusações contra o líder da rival da IURD. A chamada matéria especial exibiu uma cena do pastor que conclamava que sete mil pessoas doassem mil reais para a permanência da atração religiosa em alguma emissora. Em contrapartida, Rezende mostrou as fazendas de 50 milhões de reais que seriam do “apóstolo”. Santiago rebateu as denúncias em um culto. Disse que estava incomodando muita gente e revelou que comeu “muito ovo” para auxiliar na compra da Record. Valdemiro já fez parte da cúpula da IURD.

O programa, dito jornalístico, tem a missão de exibir denúncias que afetam a sociedade. Caso sejam verdades os fatos, o “Domingo Espetacular” cumpre sua função. Porém, as reportagens evidentemente servem para coibir o crescimento das outras concorrentes da Universal que ganham espaço no prestigiado “rebanho”.  

A guerra santa midiática respinga no colo do telespectador.

Fabio Maksymczuk

Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »