06/01/2020 às 16h52min - Atualizada em 06/01/2020 às 16h52min

PIB da região de Campinas cresce 58,5% nos últimos anos

O incremento pode ano de 2,9%, portanto, foi maior que ao 2,3% que é a média do estado.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Fundação Seade na terça-feira, 13 de agosto, foi apontado que a Região Administrativa de Campinas, também conhecida como RA Campinas, acumulou 58,5% de crescimento do Produto Interno Bruto, o PIB nos de 2002 a 2018.

Também houve um incremento médio anual de 2,9% que é uma porcentagem acima dos resultados que o estado possuía no mesmo período, respectivamente 43,1% e 2,3%.

O que é PIB?

A sigla PIB significa produto interno bruto e é a representação da soma de acordo com os valores monetários de todos os bens e dos serviços finais que são produzidos por alguma região, podendo ser estado, cidade e países.

Essa soma é realizada de acordo com um determinado período, sendo assim, pode ser mês, ano, trimestre, entre outras opções.

O PIB é uma forma de indicador bastante utilizado na macroeconomia cujo objetivo é a quantificação da atividade econômica de alguma região.

Para realizar a contagem do PIB será considerado apenas alguns bens e serviços finais, desta maneira é excluído da conta todos os bens de consumo considerados intermediários.

O intuito disso é realizar a eliminação de problemas da conhecida dupla contagem, quando os valores que são gerados na cadeia de produção são apresentados e contados duas vezes na soma do PIB.

No entanto, qual é o motivo das cidades ao redor de Campinas a crescerem durante esse período mesmo com as crises financeiras e transformações econômicas ao longo dos últimos 16 anos?

Do ano 2003 até o ano 2008: o começo desse percurso

Segundo da Fundação Seade, durante o período de 5 anos, entre 2003 e 2008, a fase foi lembrada devido a significativa ampliação do exercício econômico nas diversas regiões do estado.

Essa boa fase ocorreu devido ao crescimento doméstico, também pela expansão de investimentos e pelo bom valor das commodities.

Investimentos em áreas como tecnologia e marketing digital são um dos principais em crescimento. A empresa Hug Websites, que é referência em Consultoria SEO em Campinas, é uma das que mais se destacam neste setor.

O que são commodities?

Trata-se dos produtos que podem ser utilizados com a função de matéria-prima e guardadas durante algum tempo, como o suco de laranja, o petróleo e outros.

Em anos como esses, a taxa do crescimento da RA Campinas foi em cerca de 5,2%.

O que aconteceu no ano de 2014

Durante o ano de 2014 ocorreu uma crise na economia de forma intensa e durou até o ano de 2016, de acordo com a Fundação Seade.

A indústria de transformação foi a que mais sofreu impacto, desta maneira, foi determinante à retração dos investimentos e das produções, assim como o enfraquecimento do ciclo de consumo doméstico e também da queda de exportações de produtos que são industriais.

Do ano de 2017 até os dias atuais: o resultado desse longo período

Já de 2017 até os dias de hoje, ocorreu a retomada dos exercícios globais e a adoção de medidas para incentivo interno, como a expansão de crédito para as famílias e a diminuição dos juros dos produtos.

Desta forma, o estado teve a sua economia recuperado de forma lenta, principalmente em regiões mais industriais, sendo assim, algumas regiões administrativas como São José dos Campos e Sorocaba se destacaram. 

O PIB per capita

Os dados fornecidos pelo Seade ainda apresentam como aconteceu o crescimento do PIB per capita durante os 16 anos, de 2002 a 2018.

A Região Administrativa de Campinas teve o seu crescimento acumulado de 28,9% cuja média anual é de 1,6% e a média do estado foi de 1,3%.
 
 
 
Link
Relacionadas »
Comentários »