09/12/2019 às 22h27min - Atualizada em 09/12/2019 às 22h27min

Fisiculturista revela o motivo porque muitas mulheres saradas ficam com a voz grossa

Reprodução/MF Press Global
Muitos se admiram com forma física das modelos e atletas fisiculturistas, que ostentam corpos sarados, quase como talhados em pedra como uma escultura. Mulheres com curvas perfeitas que inspiram outras mulheres a pegar firme nos treinos e também são alvos do desejo masculino, se tornando verdadeiros sex symbols, estampando capas de revistas e portais na internet.

No entanto, apesar de conquistar um corpo digno do Olimpo, algumas acabam por ter efeitos colaterais indesejados, como engrossamento da voz e a androgenia, que são os mais notáveis. Mas por que isto acontece?

O campeão de fisiculturismo Italo Costa revela os motivos que podem transformar a busca pelo corpo dos sonhos em um pesadelo: “muitas vezes nos perguntamos porque aquela mulher bonita e sarada tem a voz grossa, por que aquele mulherão ganhou características tão masculinas? Em geral, a resposta consiste em dois motivos bem específicos na maioria das vezes, que é um disturbio hormonal ou o abuso de esteróides anabolizantes.

1- Disturbio Hormonal Natural

Italo Costa revela que isto pode acontecer, mas não é comum: “algumas mulheres podem passar por isso, geralmente por um fator genético ou excesso de produção de testosterona natural. Porem isso não é comum, são casos isolados.

2- Uso indiscriminado de hormônios e esteróides anabolizantes

Italo revela que esse é o principal culpado pelo engrossamento da voz em mulheres: “na maioria dos casos, o abuso e uso indiscriminado de hormônios para ganhar músculos rapidamente é o culpado por este colateral indesejado. Com o o excesso de testosterona, que é tipicamente um hormônio masculino, a mulher acaba desenvolvendo características mais masculinas como maior desenvolvimento muscular e junto com isso a voz mais grossa".

O fisiculturista também revela que a falta de acompanhamento profissional pode trazer efeitos irreversíveis: “Segundo o meu médico endocrinologista, Dr. Hugo Yamashiro, é muito comum que mulheres tenham este tipo de efeito colateral ao abusarem de hormônios masculinos. Por isso, quando vermos aquela mulherão com músculos torneados além do normal, pode ser que ela tenha usado de anabolizantes para chegar naquele resultado, ainda mais quando percebemos claramente que houve um engrossamento da voz ao passo em que o corpo foi se tornando mais musculoso. Este é um efeito colateral da falta de acompanhamento profissional e do uso indiscriminado de hormônios e que pode ser em alguns casos irreversível”.

Vale a pena o risco?

Italo acredita também que não valha a pena se arriscar tanto em busca do corpo perfeito: "na minha opinião vale a pena o abuso de esteróides. A mulher pode conseguir ficar sarada sem precisar recorrer a doses cavalares de hormônios e também sem perder a sua feminilidade, além de não sacrificar a saúde com as consequências de um desequilibrio hormonal". 
 
Para aquelas que desejam realmente se tornar atletas e alcancar um nível diferenciado através do esporte, Italo ressalta que o acompanhamento médico é parte importante do processo e que não vale a pena sacrificar a saúde para ter músculos: "por isso deixo uma dica importantíssima, que é confiar apenas em profissionais recomendados ou indicados por alguém de confiança. Busque alguém extremamente qualificado, nacional e internacionalmente, e que zele pela sua longevidade, caso pretenda passar por um processo de modulação hormonal para competir e aumentar sua performance, maximizando resultados. Saúde em primeiro lugar, acima da estética. Afinal fisiculturismo deve ser sinônimo de qualidade de vida e longevidade”.
Link
Relacionadas »
Comentários »