24/10/2018 às 16h22min - Atualizada em 24/10/2018 às 16h22min

Convidados da ACSP afirmam que Bolsonaro já é o presidente do Brasil

Renato Galvão
Divulgação
A Associação Comercial de São Paulo (ACSP) recebeu nesta segunda-feira (22), os ex-deputados federais José Jorge e Paulo Delgado, para justamente analisarem o segundo turno das eleições presidenciais. Para ambos, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) será o vencedor no pleito deste domingo (28).

"Essa é uma eleição decidida. Alguns escândalos ou pseudoescândalos que estão sendo lançados não chegam a causar mudança. A probabilidade do Haddad é zero", afirmou José Jorge, que disputou a eleição presidencial como vice na chapa de Geraldo Alckmin em 2006. "Agora, há eventos de probabilidade zero que podem acontecer. Bolsonaro deve ganhar, e aí cada um se segure na cadeira para ver o que vai acontecer", conclui José.

Ele ainda afirmou que, Bolsonaro ainda tem a seu favor, o "apoio" dos líderes das pesquisas nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, que contam como destaques de votos.

"Se o Bolsonaro ganhar, teremos ironicamente o quinto presidente eleito por Lula", afirmou Paulo Delgado, destacando o ostracismo atual do líder petista. "Esse segundo turno é um caso para consulta a um hospital dos olhos. Um é obrigado a parecer liberal sendo meio estatista. Outro é só estatista e finge ser meio liberal. Um sofre de miopia, não vê longe. O outro, de presbiopia; não vê perto. Os eleitores estão com estigmatismo: veem tudo embaçado, mas seguem em frente". concluiu. 
Link
Relacionadas »
Comentários »