16/12/2013 às 09h37min - Atualizada em 16/12/2013 às 09h37min

História do Panettone

Diz a lenda que a primeira cidade a criar o Panettone foi Milão.

Regiane Bonafé - O Receitando

As primeiras citações ao Panettone surgiram no século XV, no norte da Itália. Desde então, este “pão naturalmente fermentado” tem sido sempre associado intimamente com a cidade de Milão, a capital da Lombardia.

O Panettone foi desenvolvido gradualmente durante os séculos subseqüentes e assim, novas técnicas foram adotadas além de ter havido um grande progresso na qualidade das matérias-primas utilizadas em seu preparo. O hábito de consumir Panettone, especialmente nas festas de fim de ano, iniciou-se em Milão e tomou conta da Itália, dos Alpes no norte à Sicília no sul.

Como a popularidade do pão cresceu, as pessoas começaram a especular sobre a sua origem, o que resultou em inúmeras histórias. A mais popular diz respeito a um nobre jovem milanês, membro da família Atellini, que se apaixonou pela filha de um padeiro chamado Toni. Para impressionar o pai da moça, o jovem disfarçou-se de ajudante de padeiro e inventou um maravilhoso pão, de rara delicadeza e tamanho incomum para a época, cujo topo foi moldado em forma

de cúpula de igreja. Este novo bolo de frutas semelante ao pão fez enorme sucesso e passou a ser chamado de magnífico “Pan de Toni”

Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »