31/08/2017 às 21h48min - Atualizada em 31/08/2017 às 21h48min

Com quilinhos a mais, Bruna Brederode ganha destaque como modelo plus size e revela como entrou para o ramo: "Não foi bem uma escolha, mas um grato acaso"

Carioca da gema, Bruna Brederode ganha cada vez mais destaque no mundo da moda. Com 31 anos, ela é modelo plus size desde os 28 anos, quando ficou na terceira colocação de seu primeiro concurso: "A Mais Bela Gordinha do Brasil 2013". Além disso, a gata também é bacharel em Direito.
 
Desde o início de sua carreira, a beldade foi condecorada com o Troféu Clube da Moda 2014 e hoje acumula títulos como Vice Miss Plus Size Carioca 2015, Miss Rio de Janeiro Plus Size 2015, 1ª Colocada no Fashion Models Beagle 2015, Miss Madureira Plus Size 2014, Miss Rio de Janeiro Plus Size 2014 e 3ª Colocada no Miss Brasil Plus Size 2014. Com tanta bagagem e experiência, Bruna não se distanciou mais das passarelas, das câmeras e dos holofotes, realizando diversos desfiles e editoriais no Brasil e também na Califórnia, nos Estados Unidos. A modelo plus size de 1,73cm de altura desfilou em eventos conceituados dos quais destacam-se a Melange Fashion Show Brasil, I SL Models Plus Size, Caxias Fashion, Expo Noivas Rio Centro, Fashion & Hype, Expo Meninas Festeiras, Moda-Couture Fashion Culture e Melange Fashion Show San Francisco, nos Estados Unidos.
 
Após tantos títulos, Bruna explica o motivo pelo qual se tornou modelo plus size. "Ser plus size não foi bem uma escolha, mas um grato acaso. Desde pequena sempre fui apaixonada pelo mundo da moda e da arte, porém, com o passar dos anos, metas traçadas longe desse universo e alguns quilinhos a mais na balança pensei que esse sonho estivesse cada vez mais distante, quase que impossível de ser realizado. Desconhecia o segmento plus size até ser convidada a fazer parte de uma agência do ramo. No início desconfiei, pois estava acima do peso, mas assim que pesquisei sobre o assunto vi que era um mercado em crescimento no Brasil e que as modelos pertencentes à essa classe tinham orgulho de suas curvas volumosas e serviam de inspiração para as mulheres que se reprimiam por causa dos quilos extras e padrões distantes dos impostos pela mídia e expostos nas passarelas. Fiquei encantada com tantas informações positivas e enxerguei uma oportunidade de realizar um sonho de infância, fazer um bem para mim e colaborar com a elevação da autoestima de outras mulheres", conta a carioca.
 
"Ao aceitar fazer parte da agência, a mesma me informou sobre alguns concursos de beleza que estavam em foco e sugeriu que eu escolhesse algum para me inscrever. Em um primeiro momento achei um pouco ousado, pois nunca havia pisado em uma passarela, mas como amo desafios, topei. Foram meses assistindo vídeos, treinando e me dedicando para não fazer feio. Por fim o esforço valeu a pena e me rendeu o primeiro título a nível nacional, alguns prêmios, visibilidade, contrato com lojas e parceria com produtoras. Nesse momento resolvi fazer do plus size um ofício e não parei mais", completa, orgulhosa, Bruna Brederode.
Link
Relacionadas »
Comentários »