05/05/2015 às 00h34min - Atualizada em 05/05/2015 às 00h34min

Grande Prêmio São Paulo 2.015

O melhor do turfe brasileiro

Renato Galvão
Rubens Chiri

O Grande Prêmio São Paulo, foi realizado na tarde do domingo (03), no Jockey Club de São Paulo, chegando a sua edição 91, com extrema elegância.

O evento é um dos mais nobres do país e contou com a presença de grandes personalidades, autoridades e convidados ilustres.

Quinhão foi o grande vencedor do Grande Prêmio, conduzido pelo jóquei Acedenir Gulart, completando o percurso de 2 mil e 400 metros de pista de grama, em 2min25s875.

"É uma vitória que estava engasgada, porque venho de uma derrota no Rio de Janeiro onde aparecia bem cotado. Ganhar o GP de São Paulo era algo importantíssimo na minha carreira", afirmou Gulart.

O treinador Marcos Ferreira festejou a preparação feita: "Por ser um animal de pequeno porte, tivemos de trazê-lo antecipadamente para se adaptar às condições ideais".

A taça pertencente ao proprietário Richard Avila, foi entregue por Fabiana Murer, campeã mundial de salto com vara e o treinador Marquinhos, recebeu o troféu, da mãos do jogador do Corinthians, Paolo Guerrero.

O GP São Paulo teve a presença de 18 cavalos, oferecendo a premiação de R$378 mil, sendo R$195 mil ao vencedor, R$47,2 mil ao vice campeão e para o terceiro colocado - R$33 mil.

A tarde sofisticada ainda contou com outros emocionantes páreos, incluindo o GP Presidente da República e outras atrações.

Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »